.

[Resenha#100] Aluga-se um noivo


Titulo :  Aluga-se um noivo 
Autora: Clara Assis 
Editora: Charme 
Sinopse: Nada poderia ter afetado tanto Débora Albuquerque quanto ter de enfrentar seu ex-namorado como padrinho de casamento do irmão. Como se não bastasse, acompanhado por sua nova namorada, ninguém menos que Letícia, a quem Débora um dia chamou de amiga. 
A situação já parecia bastante ruim, quando Débora teve a brilhante ideia de não ir à festa sozinha. Para isso, contratou um garoto de programa, Théo, fingir ser seu namorado e juntos seriam o casal mais feliz do mundo. 
Por sorte, ou não, a inseparável melhor amiga de Débora, Carol, resolveu dar uma ajudinha, e o que antes era uma loucura, tornou-se algo mais complicado que nunca: Théo foi de namorado a noivo num piscar de olhos. 
Débora estava disposta a pagar quanto fosse para não aparecer sozinha na festa. Théo seria o namorado ideal: lindo, sofisticado, com sotaque italiano e extremamente sedutor. 
O plano era perfeito... até Débora se apaixonar.


 Olá, meus queridos leitores!
Hoje vim trazer par vocês resenha desse livro que já estava surtando de ansiedade para fazer a leitura, resumindo devorei o livro em um único dia, vamos saber o que eu achei de  Aluga-se um noivo?


 Débora namorou João por muito tempo, que além de ser seu namorado ainda era melhor amigo do seu irmão. O fim desse relacionamento não foi nada amigável, ela descobriu que João a traia com sua amiga. Foi difícil aceitar, mas o tempo passou e Débora começou a seguir sua vida. Só que seu irmão está prestes a se casa e então lhe avisa que JoãoLetícia serão padrinhos do seu casamento ou seja depois de algum tempo ela teria que ficar cara a cara com seu ex e com sua ex amiga no altar.

Débora: Você aceita parcelar? Faz desconto para pagamento a vista? Ou crediário?
Ele respondeu quase que instantaneamente.
Théo:  Você me mata de rir, Débora! Eu tenho cara de Casas Bahia?

Débora sente o sangue subir para cabeça, mas não vai dar o gostinho dessa vitória pra o João nem aqui nem na china.. Eis que ela tem uma ideia louca e fora do convencional  de procurar um em sites de acompanhantes. Então ela conta essa ideia para sua melhor amiga Carol, que mais que na hora a apoia nessa loucura.  Como o serviço delas não estava lá essas coisas  resolveram ir até um café para tentar organizar essa ideia maluca.

Quando chegam até essa cafeteria, Débora se depara com um homem lindo que parece que foi esculpido a mão e não consegue pra de olhar para ele e em uma tentativa frustrada de chegar mais perto já que viu que ele estava com um livro e seguia para o caixa, ela pegou o primeiro livro que viu pela frente e o seguiu  até o caixa, até então Carol não estava entendendo  nada que a amiga estava fazendo, enquanto isso Débora admirava um pouco mais o homem. Então elas decidem colocar em pratica o plano, e ir até o primeiro acompanhante  e levam um belo susto ao perceber que o homem que está bem  sua frente é o boy magia do café.


 Mais conhecido como Théo, ele agora tem a missão de ser o namorado de Débora até o dia do casamento. Ele pretende dar o seu melhor para ajuda-la. Então ela já o intimida para primeira missão, diz que as madrinhas e amigas da noiva vão fazer uma coisinha em um barzinho ali perto da região mesmo, que se ele pudesse aparecer seria muito bom. Então ela vai para o tal encontro com as amigas e por um milésimo  de segundo esquece que tinha mandado o Théo ir lá prestar o seu serviço, só se lembrou quando ele apareceu maravilhoso na frente de todas elas. Só que ela está um pouco bêbada e ele a leva para casa e mesmo sem ela lembrar de muita coisa ela acorda sã e salva em seu apartamento e de roupa trocada. 
" Não foi nada fácil perceber que eu estava me envolvendo com o Théo. Para mim, era sentimento; para ele por dinheiro."
No dia seguinte a esse acontecimento, Débora leva um banho de água gelada quando Carol conta que se empolgou um pouco demais na noite anterior e  contou as meninas que ela estava noiva do Théo e eles eles estavam morando juntos. Ela literalmente perde o ar e conta para ele essa loucura, ele aceita obviamente com o seu preço  e  então se muda para casa dela, mas algo inesperado começa a surgir, algo de mentira começa dar lugar a algo de verdade e avassalador. 
"Só se decepciona quem espera alguma coisa."
Será que realmente essa história de noivo vai dar certo? Será que ela vai se sentir bem depois de se vingar do João igual ela sempre sonhou? Será que Débora será capaz de mascarar tudo que está sentindo ?  É um livro onde com toda certeza as aparências enganam, um livro avassalador e com um dose de humor maravilhosa.


 MARAVILHOSO!

Já tinha muito  tempo que estava louca pra ler esse livro, um dia lá estava eu escolhendo minhas próximas leituras no kindle e dei de cara com essa maravilha e não resistir em começar a ler.  Foi meu primeiro contato com a escrita da autora e estou sem palavras até agora para descrever o quão maravilhosa é. Ela usa uma forma jovial para escrever e acho que isso aproxima muito o leitor do enredo. 

 Débora é uma personagem apaixonante, muitas pessoas podem questionar o por que dela ter contratado um acompanhante,  mas na medida que vamos conhecendo um pouco mais dela e sobre sua personalidade isso fica mais compreensível. No começo estranhei o por que dela já se senti atraída assim pelo Théo logo de cara, mas vai ficando claro na medida em que vamos passando as páginas. Ela é uma personagem engraçada, cheia de receios, uma amiga maravilhosa e uma mulher muito determinada a considero uma personagem marcante é aquela famosa personagem  gente como a gente  que eu amo em livros.   

  " Amiga, pelo amor de Deus! Esse cara é tudo! Não só combina com você, como põe o João no chinelo. E a Letícia , aquela ladra de namorados, vai se rasgar toda."

Théo, há meu doce Théo,  mais um crush literário na minha lista estou me sentindo uma verdadeira  piriguete literária, senhor me ajude! Ele é fantástico e me matou de rir por diversas vezes, ele é lindo e sabe que é, mas é dono de uma edução fora do comum, um homem entendido que sabe falar sobre vários assuntos  e isso levanta a curiosidade da Débora o por que um homem com esse porte tanto físico quanto educacional é um michê? Eu me apaixonei  por ele por que tenho um fraco por homens engraçados .Ele é de  tudo um pouco ele  vai de safado a engraçado em um minuto. 


Esse livro contém um segredo, e pela primeira vez  me senti com um frio na barriga com medo desse tal segredo estragar   a trama, mas a autora soube muito bem criar  e desenvolver esse mistério que quando eu descobri meu queixo foi lá no chão e eu fiquei tipo  "Oi? Meu deus! Isso é serio? Como?"  Eu amei ela me surpreendeu positivamente .


  Os personagens secundários são uns amores, temos a Carol melhor amiga da Débora que é homossexual que assim como ela também está passando por um momento difícil em sua vida amorosa, mas larga tudo para ajudar a amiga. Temos o irmão da Débora que por mais que apareça em poucas cenas me agradou, pro mais que teve uma hora que eu tive vontade de pegar ele pelo pescoço rsrs, o João é uma ameba ambulante e a Letícia nem se fala. 

A ambientação é maravilhosa, fora que a autora não poupa detalhes e isso é maravilhoso. Temos cenas hots, mas não muito e as que tem são bem descritas de modo que o leitor se sente até confortável em ler, o bom também que você que gostou do enredo, mas não curte a parte hot pode pular as cenas que irá compreender a história da mesma maneira e é isso que eu admiro em história assim, onde o sexo não é o foco central e sim a história dos personagens. A narração é feita em primeira pessoa pelo ponto de vista de ambos então nem preciso dizer que surtava quando entrava na cabeça do Théo né?  Espero ansiosamente para mais livros essa autora por que esse é o primeiro e estou mega curiosa para saber de quem é o próximo livro!


Em suma é um livro maravilhoso, onde temos uma dosagem de tudo um pouco desde a sensualidade até o humor, uma ótima pedida para quem ama romances engraçados e viciantes. 

[Resenha #99] Meu maior presente

Titulo: Meu maior presente
Autora: Mila Wander
Editora: Essência 
Páginas: 352
Sinopse: Lucas – “Não escolhemos o amor, é ele quem nos escolhe. Mas e se essa escolha estiver errada? ”A história de um amor proibido, escrita pela mesma autora do sucesso O Safado do 105 Lucas foi abandonado num orfanato e só aos nove anos de idade ganhou o presente que mais desejava: uma família. Mel nasceu na família perfeita. Seu pai, sua mãe e seu irmão, dez anos mais velho, a amavam. Ela era o xodó dos Carvalho Lemos. O que ninguém esperava era que, na adolescência, Mel começasse a olhar de um jeito diferente para Lucas, seu irmão adotivo, seu protetor, seu motorista de baladas, seu confidente. Ele também a percebeu diferente, a desejou e seu amor fraterno se transformou em outra coisa. Lucas, porém, não podia deixar que esse novo e assustador sentimento arruinasse seu sonho de ser amado por uma família. Mas o que fazer com a vontade de seu coração e seus desejos? Mel, com certeza, sabia o que fazer. Mel – “Só me sinto viva com você. Só me encontro em você. ”

 Olá, meus queridos leitores!
 Hoje vou dedicar essa resenha para minha querida amiga Ivi, dona do blog Meu amor pelos livros acho que se não fizesse essa resenha ela viria aqui para me dar uns taparas ( brincadeiras a parte rsrs).  Hoje vim trazer resenha de mais um livro da minha querida diva Mila Wander.  Querem descobrir o que achei do livro? Então vem ler essa resenha.


Quando Lucas era mais novo, foi abandonado por sua mãe em um orfanato onde passou bons anos de sua vida.  A cada natal que se passava ele pedia várias coisas, mas no fundo ele sabia que o que realmente queria era uma família que o amasse. E não é que o bom velhinho atendeu o pedido dele? Lucas foi adotado aos nove anos, e fica eufórico com isso. Seus pais são os melhores que poderiam existir, bem melhor do que ele imaginava e o tempo foi passando e um ano depois ele ganha uma irmãzinha, Mel.

 Desde muito novo Lucas tinha uma super proteção com a Mel, sempre a acompanhava de perto  e esse companheirismo foi crescendo cada dia mais, ela o tem como confidente mesmo com a diferença de idade ele a aconselha para não cair em certas enrascadas da vida.  Só que na medida  em que Mel vai crescendo Lucas começa a descobrir um sentimento novo, que não deveria existir em um relacionamento entre irmão e irmã.

 Quando ele se da conta disso começa a tentar se negar, mas sabe que não é tão fácil assim. Acaba acontecendo algo e ele decide ir embora do país para explorar sua carreira no exterior e usa isso como uma desculpa para tentar fugir do que ele realmente sente pela irmã.  Ela não aceita de forma alguma a sua partida, eis que o tempo passa e ele a ignora totalmente em todos os sentidos. Quando a saudade não cabe mais no peito ele resolve voltar, mas nada está como ele deixou. Será que o amor dela por Mel é reciproco?  Será que realmente tem como eles ficarem juntos? O que ele achou no passado que era seu maior presente no  momento esta sendo seu pior pesadelo. 



BOM!

Sou apaixonada pela escrita da Mila, mas acho que esse livro em alguns aspectos não funcionou para mim, mas como amo a Mila e sua escrita é fantástica continue lendo mesmo a obra não me agradando tanto. A escrita da Mila é algo fora do comum, ela tem esse dom de mesmo não gostando do livro ela consegue conectar o leitor a sua escrita é até meio contraditório isso, mas é a mais pura verdade.

 Lucas foi um personagem que eu não sei ao certo meu sentimento por ele, pois ele  é aquele tipo de personagem que ao mesmo tempo que é maduro tem umas atitudes que não condizem muito. Acho que ele fez  drama demais com a história da Mel.  Como a narrativa ficou presa nos pensamentos dele foi algo que deixou a leitura arrastada demais. Mas como pessoa e quesito caráter ele é um personagem fora do sério, esse lado dele sim me conquistou e me cativou bastante, mas quando o assunto era Mel ele se tornava um personagem imaturo.

Mel, me desculpe os fãs dela, mas não consegui gostar dela em nenhum minuto a achei muito mimada, fresca e acima de tudo IMATURA, tudo bem que ela é uma personagem que está entrando agora na vida adulta e não poderia exigir muito dela, mas poxa custava ser um pouquinho adulta? Ela me irritou por diversas vezes colocando o Lucas contra a parede como se ele fosse o culpado por tudo que está acontecendo, como se o mundo realmente girasse em torno dela, mas não é bem assim que as coisas funcionam. Pela primeira vez  não gostei de um personagem que a Mila criou. 


 Os personagens secundários são uns amores, os pais do Lucas são daquele tipo de casal que faz de tudo e mais um pouco para vê os filhos felizes. Temos também o namorado da Mel que é uma graça de menino. Não temos muitos personagens secundários, pois a trama realmente gira em torno de tudo que a Mel e o Lucas fazem, acho que poderia ter sim mais personagens secundários para dar uma explanada melhor na trama.


A premissa da história é boa, mas acho que faltou a narração da Mel para ficar melhor a compreensão do leitor, pois ficamos muito tempo presos dentro da cabeça do Lucas e isso fez com que a leitura  ficasse muito arrastada. A narração é toda feita em primeira pessoa pelo ponto de vista do Lucas. A diagramação do livro está linda. Gostava muito mais da outra capa, acho que essa não passa bem o que a história é. 

O livro é um hot, porém  é um hot mais leve, não temos muitas cenas, mas as que tem são quentes. Mila tem o dom e escrever cenas assim e ser algo legal de se ler, nada muito explicito, pois é a intimidade do casal. Uma coisa que me deixou intrigada no livro é como que um menino lindo loiro de olhos claros demorou tantos anos para ser adotado? Essa dúvida ficou pairada em minha cabeça. Isso realmente foi um aspecto que falhou para mim. 


Em suma, é um livro bom para quem gosta de histórias de amores impossíveis indico de olhos fechados. 

Lançamentos da Universo dos Livros

Olá, meus queridos leitores!
Quem ai ama um bom lançamento? Hoje vim trazer para você os lançamentos da editor Universo dos livros espero que gostem.

Lena Wise está sempre ansiosa pelo dia seguinte, especialmente porque está começando o último ano da escola. Ela está decidida a passar o máximo de tempo possível com os amigos, completar as inscrições da faculdade e talvez informar seu melhor amigo de infância, Sebastian, sobre o que realmente sente por ele. Para Lena, o próximo ano vai ser épico — um ano de oportunidades e conveniências.
Até que uma escolha, um instante… destrói tudo.
Agora Lena não está ansiosa pelo dia seguinte. Não quando o tempo que dedica aos amigos pode nunca mais ser o mesmo. Não quando as inscrições para a faculdade podem ser qualquer coisa, menos viáveis. Não quando há o risco de Sebastian jamais perdoá-la pelo que aconteceu.
Pelo que ela permitiu que acontecesse.
À medida que sua culpa aumenta, Lena está ciente de que sua única esperança é superar o ocorrido. Mas como é possível seguir em frente quando a existência inteira, tanto dela quanto a de seus amigos, foi transformada?Como seguir em frente quando o amanhã sequer é garantido?

 Colton roubou meu coração. Não era para ele ter feito isso, e tenho certeza absoluta de que não queria que acontecesse, mas ele colidiu com a minha vida, incendiou sentimentos que pensei estarem mortos para sempre dentro de mim e alimentou uma paixão que eu nunca soube que poderia existir. Como é que exatamente aquilo que nenhum de nós previu — nem desejava — tornou-se exatamente o motivo que nos faz lutar com tanto afinco? Ele rouba meu fôlego, para meu coração e me traz de volta à vida, tudo em uma fração de segundo. Mas como posso amar um homem que não me deixa entrar? Que fica tentando me afastar para impedir que eu veja os segredos traumáticos de seu passado? Meu coração sofre, mas a paciência e o perdão têm limites. Rylee despencou daquele maldito armário e entrou na minha vida. Agora acho que eu nunca mais vou ser a mesma pessoa. Ela teve vislumbres da escuridão que existe dentro de mim e, mesmo assim, continua aqui. Continua lutando por mim. Sem dúvida ela é a santa, e eu, certamente, sou o pecador. Como posso desejar uma mulher que me enerva e me obriga a ver que, no profundo abismo negro da minha alma, há alguém digno do amor dela? Uma situação em que eu jurei nunca mais estar, uma pessoa que jurei nunca mais ser. Seu coração altruísta merece muito mais do que algum dia vou ser capaz de dar a ela. Sei que não posso ser o que ela precisa, então, por que não posso simplesmente me separar?

 Um toque é o bastante. Com apenas um toque, Juliette Ferrars é capaz de fazer um homem adulto se ajoelhar de dor e implorar por misericórdia. Um único toque de Juliette pode matar. Ninguém sabe por que a garota tem um poder tão impressionante, o qual ela acredita ser uma maldição, um fardo que uma pessoa sozinha seria incapaz de carregar. Contudo, o Restabelecimento enxerga essa característica como um dom e passa a vê-la como uma oportunidade – uma oportunidade de usá-la como arma letal. Porém, Juliette tem seus próprios planos.






 A história de Juliette e Warner continua no eletrizante novo volume da série Estilhaça-me, de Tahereh Mafi, autora best-seller do The New York Times. Juliette Ferrars acreditava ter vencido. Assumiu o controle do Setor 45, foi nomeada nova Comandante Suprema da América do Norte e agora conta com Warner ao seu lado. No entanto, quando a tragédia se instala, Juliette precisa confrontar a escuridão que existe tanto à sua volta quanto em seu interior.

[ Resenha #98 Nos Braços do Roqueiro

Titulo:  Nos braços do roqueiro
Autora: Terri Anne Browning
Editora: Bezz
Páginas:148
Sinopse:Sair em turnê com quatro roqueiros parece um sonho...
Pelo menos é o que as pessoas me dizem. Para mim, esses quatroroqueiros são a minha família. Cuidam de mim desde meus cinco anos deidade, protegendo-me da minha mãe e de seus episódios de fúria quandoestava bêbada e drogada. Mesmo depois de famosos, continuaram cuidandode mim. E quando meu monstro de mãe morreu, eles se tornaram meusguardiões.
Há seis anos eu cuido dos quatro homens que são tudo para mim. Tomoconta deles da mesma maneira que sempre cuidaram de mim. Resolvo tudo,até as sujeiras dos bastidores da vida de um roqueiro. Nem sempre ébonito. Às vezes, chega a ser quase repugnante, principalmente quandotenho que me livrar das transas aleatórias. Ugh!Realmente não me incomoda tomar conta deles. Quero dizer, não é comose estive apaixonada por um deles. Isso seria loucura. Se apaixonarpor um roqueiro NÃO é inteligente.
Tudo bem, então não sou inteligente. Eu amo os meus garotos, e um deles, meio que tem meu coração em sua, grande e calejada, mão roqueira. Mas estou lidando bem com a situação. Por anos, fui capaz demanter o meu pequeno segredo.Mas, não agora. No entanto, preciso enfrentar o que quer que estejaacontecendo comigo. Isso me assusta pra caramba. Eu odeio médicos, masde repente, estou mais preocupada em descobrir o que tem de erradocomigo, do que o que algum médico poderia me fazer.
Depois de receber o resultado dos meus exames, minha vida nunca maisserá a mesma novamente..
                                            * Livro cedido em parceira com editora*
  Olá, meus queridos leitores!

Hoje vim trazer resenha desse livro que assim que vi a capa me encantei, pois como vocês bem sabem, sou a louca das capas. Vamos saber o que eu achei de  Nos braços do roqueiro?



Emmie não teve uma infância muito fácil, tinha uma mãe viciada em drogas e que era totalmente negligente quando o assunto era a própria filha. Sempre que estava sobre efeito de drogas sua mãe a batia com galhos e isso a deixava terrivelmente machucada. Emmie morava em um trailer em situações precarias.  Sempre recorria aos seus vizinhos que eram anos mais velhos que ela, mas que cuidavam  como se fosse filha.

Os anos passaram e Emmie cresceu e mora juntamento com os quatro homens que hoje são astros do Rock e ela se descobra para conseguir fazer tudo ao mesmo tempo como forma de agradecimento por todo acolhimento e proteção que eles a deram desde pequena. Emmie é  a garota dos olhos desses homens, eles movem céus e terras só para vê ela sorrindo.

Em, como é carinhosamente chamada por eles é apaixonada por um deles, mas mantem essa questão em segredo faz questão de assistir tudo pelos bastidores e faz o possivel para não demostrar o que sente. Até que algo inusitado acontece que realmente tira o chão de todos, será que realmente essa paixão vai vingar? Será que realmente ela está predestinada a ficar com ele?



Cadê as fãs dos Roqueiros ?

Falei pouco, mas falei a trama central  da nossa história(rsrs)!
Foi meu primeiro contato com a escrita da autora e tenho que confessar que gostei muito, foi uma leitura rápida e leve. Ela conseguiu fazer um livro nos leva direto ao ponto sem muitos rodeios, não é atoa que o livro é bem fininho, mas o segundo livro já tem uma quantidade de páginas significantes  e que já me deixou mega curiosa. 

Em é uma personagem incrível,  eu fiquei morrendo de dó dela, pois nas primeiras páginas somos apresentados a ela em uma situação nada favorável onde vemos o neglicenciamento de sua mãe que é usuária de drogas e sempre que usa a agride de forma brutal. Temos uma menina que tinha tudo para ser rebelde e largada da vida, mas ela não usou a influencia da mãe como exemplo de vida. Obviamente teve muito apoio dos meninos que mesmo novos na época tomaram a responsabilidade de Em para eles. Ela é fantástica, você sente a essência da personagem de longe, mesmo com tão poucas páginas pude me apegar a ela.

Nick é o vocalista da banda, exala sexualidade e o famoso olhar 44 todas as mulheres em sua sã consciência desejaria um cara igual a ele, mas ao contrario das fãs Em o desejava por aquilo que ele era fora dos palcos, pelo homem que a cuidou quando o mundo inteiro dela estava prestes a desabar. Ele é um verdadeiro anjo do Rock, mesmo com a postura de um astro ele tem um coração enorme e nem preciso falar dos atributos físicos né? Ele é uma graça e no fim tive vontade de abraça-lo. 

Os outros integrantes da banda são extrovertidos ao extremo e se não me engano a série vai ser um livro sobre cada integrante. Eu amei o amor e carinho que eles tem pela Em, e para ser sincera é difícil encontrar enredos assim eles largavam tudo só para ela sorri. Temos uma ambientação ao meio de shows e noites regadas a bebidas e mulheres.

A narração é feita em primeira pessoa pelo ponto de vista da Em, confesso que queria saber o que se passava na cabeça do NIck. É um livro sem muito aprofundamento a autora ja lhe entrega os fatos de bandeja, eu achei isso muito bom, pois ela deu sou uma pincelada no passado. A diagramação do livro está a a coisa mais linda do mundo a editora caprichou. 


Em suma é um livro muito bom, ainda mais para os fãs de histórias curtas e envolventes. Não vejo a hora de iniciar a leitura do próximo livro. Espero que tenham gostado!



Ei meus amores! Sou a Bia Coelho!
22 primaveras, mineira,
mãe da Manu,
alucinada por livros.
Apreciadora de bons romances.
Esposa do Christian Grey!
Apaixonada pelo universo literário, leitora compulsiva, freelancer como Web design e projeto de escritora nas horas vagas.

Bem vindos ao
Entre Livros e Amores!

Colaboradoras

Luanna
Oioioi, eu sou a Luanna do Instagram @pausaparalivros, escorpiana raiz, e vou aparecer aqui com muitas resenhas de livros, além de dicas de filmes, séries... ou seja, tudo o que a gente ama. Não é mesmo? Espero que gostem do conteúdo que postarei e me sigam no Instagram para saber diariamente o que estou achando das leituras

Seguidores

Caixa de Busca

Facebook

Categorias

estou lendo

Anuncie

Anuncie

Instagram

Destaque

{ Resenha } Namorado por Acaso

  Titulo:  Namorado por Acaso  Autora:   Aline Sant'Ana  Editora:  Charme Páginas:  365 Sinopse: Contra fatos, não há argumentos.  Pro...

Arquivos

Posts Populares

link-me



Editoras parceiras

Tecnologia do Blogger.