23 de abril de 2018

[Resenha#100] Aluga-se um noivo


Titulo :  Aluga-se um noivo 
Autora: Clara Assis 
Editora: Charme 
Sinopse: Nada poderia ter afetado tanto Débora Albuquerque quanto ter de enfrentar seu ex-namorado como padrinho de casamento do irmão. Como se não bastasse, acompanhado por sua nova namorada, ninguém menos que Letícia, a quem Débora um dia chamou de amiga. 
A situação já parecia bastante ruim, quando Débora teve a brilhante ideia de não ir à festa sozinha. Para isso, contratou um garoto de programa, Théo, fingir ser seu namorado e juntos seriam o casal mais feliz do mundo. 
Por sorte, ou não, a inseparável melhor amiga de Débora, Carol, resolveu dar uma ajudinha, e o que antes era uma loucura, tornou-se algo mais complicado que nunca: Théo foi de namorado a noivo num piscar de olhos. 
Débora estava disposta a pagar quanto fosse para não aparecer sozinha na festa. Théo seria o namorado ideal: lindo, sofisticado, com sotaque italiano e extremamente sedutor. 
O plano era perfeito... até Débora se apaixonar.


 Olá, meus queridos leitores!
Hoje vim trazer par vocês resenha desse livro que já estava surtando de ansiedade para fazer a leitura, resumindo devorei o livro em um único dia, vamos saber o que eu achei de  Aluga-se um noivo?


 Débora namorou João por muito tempo, que além de ser seu namorado ainda era melhor amigo do seu irmão. O fim desse relacionamento não foi nada amigável, ela descobriu que João a traia com sua amiga. Foi difícil aceitar, mas o tempo passou e Débora começou a seguir sua vida. Só que seu irmão está prestes a se casa e então lhe avisa que JoãoLetícia serão padrinhos do seu casamento ou seja depois de algum tempo ela teria que ficar cara a cara com seu ex e com sua ex amiga no altar.

Débora: Você aceita parcelar? Faz desconto para pagamento a vista? Ou crediário?
Ele respondeu quase que instantaneamente.
Théo:  Você me mata de rir, Débora! Eu tenho cara de Casas Bahia?

Débora sente o sangue subir para cabeça, mas não vai dar o gostinho dessa vitória pra o João nem aqui nem na china.. Eis que ela tem uma ideia louca e fora do convencional  de procurar um em sites de acompanhantes. Então ela conta essa ideia para sua melhor amiga Carol, que mais que na hora a apoia nessa loucura.  Como o serviço delas não estava lá essas coisas  resolveram ir até um café para tentar organizar essa ideia maluca.

Quando chegam até essa cafeteria, Débora se depara com um homem lindo que parece que foi esculpido a mão e não consegue pra de olhar para ele e em uma tentativa frustrada de chegar mais perto já que viu que ele estava com um livro e seguia para o caixa, ela pegou o primeiro livro que viu pela frente e o seguiu  até o caixa, até então Carol não estava entendendo  nada que a amiga estava fazendo, enquanto isso Débora admirava um pouco mais o homem. Então elas decidem colocar em pratica o plano, e ir até o primeiro acompanhante  e levam um belo susto ao perceber que o homem que está bem  sua frente é o boy magia do café.


 Mais conhecido como Théo, ele agora tem a missão de ser o namorado de Débora até o dia do casamento. Ele pretende dar o seu melhor para ajuda-la. Então ela já o intimida para primeira missão, diz que as madrinhas e amigas da noiva vão fazer uma coisinha em um barzinho ali perto da região mesmo, que se ele pudesse aparecer seria muito bom. Então ela vai para o tal encontro com as amigas e por um milésimo  de segundo esquece que tinha mandado o Théo ir lá prestar o seu serviço, só se lembrou quando ele apareceu maravilhoso na frente de todas elas. Só que ela está um pouco bêbada e ele a leva para casa e mesmo sem ela lembrar de muita coisa ela acorda sã e salva em seu apartamento e de roupa trocada. 
" Não foi nada fácil perceber que eu estava me envolvendo com o Théo. Para mim, era sentimento; para ele por dinheiro."
No dia seguinte a esse acontecimento, Débora leva um banho de água gelada quando Carol conta que se empolgou um pouco demais na noite anterior e  contou as meninas que ela estava noiva do Théo e eles eles estavam morando juntos. Ela literalmente perde o ar e conta para ele essa loucura, ele aceita obviamente com o seu preço  e  então se muda para casa dela, mas algo inesperado começa a surgir, algo de mentira começa dar lugar a algo de verdade e avassalador. 
"Só se decepciona quem espera alguma coisa."
Será que realmente essa história de noivo vai dar certo? Será que ela vai se sentir bem depois de se vingar do João igual ela sempre sonhou? Será que Débora será capaz de mascarar tudo que está sentindo ?  É um livro onde com toda certeza as aparências enganam, um livro avassalador e com um dose de humor maravilhosa.


 MARAVILHOSO!

Já tinha muito  tempo que estava louca pra ler esse livro, um dia lá estava eu escolhendo minhas próximas leituras no kindle e dei de cara com essa maravilha e não resistir em começar a ler.  Foi meu primeiro contato com a escrita da autora e estou sem palavras até agora para descrever o quão maravilhosa é. Ela usa uma forma jovial para escrever e acho que isso aproxima muito o leitor do enredo. 

 Débora é uma personagem apaixonante, muitas pessoas podem questionar o por que dela ter contratado um acompanhante,  mas na medida que vamos conhecendo um pouco mais dela e sobre sua personalidade isso fica mais compreensível. No começo estranhei o por que dela já se senti atraída assim pelo Théo logo de cara, mas vai ficando claro na medida em que vamos passando as páginas. Ela é uma personagem engraçada, cheia de receios, uma amiga maravilhosa e uma mulher muito determinada a considero uma personagem marcante é aquela famosa personagem  gente como a gente  que eu amo em livros.   

  " Amiga, pelo amor de Deus! Esse cara é tudo! Não só combina com você, como põe o João no chinelo. E a Letícia , aquela ladra de namorados, vai se rasgar toda."

Théo, há meu doce Théo,  mais um crush literário na minha lista estou me sentindo uma verdadeira  piriguete literária, senhor me ajude! Ele é fantástico e me matou de rir por diversas vezes, ele é lindo e sabe que é, mas é dono de uma edução fora do comum, um homem entendido que sabe falar sobre vários assuntos  e isso levanta a curiosidade da Débora o por que um homem com esse porte tanto físico quanto educacional é um michê? Eu me apaixonei  por ele por que tenho um fraco por homens engraçados .Ele é de  tudo um pouco ele  vai de safado a engraçado em um minuto. 


Esse livro contém um segredo, e pela primeira vez  me senti com um frio na barriga com medo desse tal segredo estragar   a trama, mas a autora soube muito bem criar  e desenvolver esse mistério que quando eu descobri meu queixo foi lá no chão e eu fiquei tipo  "Oi? Meu deus! Isso é serio? Como?"  Eu amei ela me surpreendeu positivamente .


  Os personagens secundários são uns amores, temos a Carol melhor amiga da Débora que é homossexual que assim como ela também está passando por um momento difícil em sua vida amorosa, mas larga tudo para ajudar a amiga. Temos o irmão da Débora que por mais que apareça em poucas cenas me agradou, pro mais que teve uma hora que eu tive vontade de pegar ele pelo pescoço rsrs, o João é uma ameba ambulante e a Letícia nem se fala. 

A ambientação é maravilhosa, fora que a autora não poupa detalhes e isso é maravilhoso. Temos cenas hots, mas não muito e as que tem são bem descritas de modo que o leitor se sente até confortável em ler, o bom também que você que gostou do enredo, mas não curte a parte hot pode pular as cenas que irá compreender a história da mesma maneira e é isso que eu admiro em história assim, onde o sexo não é o foco central e sim a história dos personagens. A narração é feita em primeira pessoa pelo ponto de vista de ambos então nem preciso dizer que surtava quando entrava na cabeça do Théo né?  Espero ansiosamente para mais livros essa autora por que esse é o primeiro e estou mega curiosa para saber de quem é o próximo livro!


Em suma é um livro maravilhoso, onde temos uma dosagem de tudo um pouco desde a sensualidade até o humor, uma ótima pedida para quem ama romances engraçados e viciantes.