20 de novembro de 2018

(Resenha #118) Apenas com você

  Titulo: Apenas com você
  Autora:  Aline Sant'Ana
  Editora: Charme
  Paginas: 384
  Sinopse:Com um terno Armani bem passado, a agenda planejada e uma personalidade intimidadora, Yan Sanders parece tudo, menos o baterista de uma banda de rock. No entanto, quando sobe no palco, ele se torna aquilo que nasceu para ser: um músico de sucesso.
Sua vida estava perfeita até pouco tempo atrás, quando a carreira estava em uma crescente, os amigos, felizes e ele tinha uma namorada incrível ao seu lado. 
Mas, então, ela partiu.
Lua Anderson tinha seus motivos e sabe que tomou a decisão certa. Ela precisava reorganizar sua vida.
Mas as coisas não são preto no branco. Sentimentos ainda existem. Segredos precisam ser revelados. E há muito mais além daquilo que os olhos podem ver.
O terceiro livro da série Viajando com Rockstars tempera o drama, traz uma gota de suspense e apimenta o amor com erotismo. 
Você está preparado para conhecer a luz e a sombra do amor?

*Essa resenha pode conter Spoilers dos livros anteriores*

  Oi oi, meus queridos Leitores!
Você não tem ideia o que  eu fiz, eu programei essa resenha segunda feira da semana passada, pelo menos era o que eu imaginava, ai entrei no blog para dar uma olhada e fiquei doida por que não aparecia a postagem. Eis que fui vê que eu tinha programado para a primeira segunda feira de Dezembro (rsrs) então por favor me perdoem pelo atraso. Vocês sabem que eu sou fã de carteirinha da Aline e  quando eu acho que ela não pode me surpreender ela me trás esse livro. Vamos  saber um pouco mais sobre  Apenas com  você ?




Yan estava no auge da sua carreira, com uma namorada perfeita, amigos que sempre  o apoiavam e todos os seus projetos dando certo, mas sua vida muda do dia para noite quando uma foto mal intencionada  mostra Lua, sua amada namorada beijando o assistente do seu pai. E para piorar a situação, Yan acaba beijando duas garotas e no outro dia um suposto vídeo se torna viral chegando até mesmo em Lua. Isso destrói o que há  de mais bonito na relação dos dois a confiança.

Lua,  descobre algo que pode mudar sua vida completamente,  e decide que quer enfrentar isso sozinha,  mesmo com o coração partido ela decide deixar todos aqueles  que ela ama para trás e segue seu rumo. Ela sente que o que o Yan fez só a impulsionou a fazer isso sozinha, ela precisava disso, afinal  ela é uma Anderson. Lua de maneira alguma queria contar para o Yan muito menos para os seus amigos, pois sabia que a banda estava cada vez mais badalada e não queria  atrapalha-los e deixa-los preocupados com ela.

 Então o Yan chega de viagem e quer a todo custo encontrar Lua, para eles conversarem de uma vez por todas, mas é muito difícil encontrar quem não quer ser encontrado. Yan acaba ficando fissurado em querer encontrar Lua e seus amigos acabam ficando preocupados com ela. Eis que Lua resolve aparecer e mexe com o Yan , ele não acredita que ela ainda está mais linda do que antes. De inicio ela fica na defensiva, mas logo a guarda abaixa  e eles resolvem ser amigos.


 É nítido a atração entre eles, mas o carinho e o respeito que um sente pelo outro sempre fala mais alto. Em meio dessa amizade eles começam a se conhecer mais e dar valor aos mínimos detalhes em que eles não davam importância antes. Isso foi dando mais força um para o outro, mas na vida deles nem tudo é um mar de rosas. Alguém do passado volta para assombrar a vida de todos os integrantes da banda. Será mesmo que o amor de Lua e Yan será o suficiente para passar por tudo ?

Romance, intrigas, ação e aquele famoso frio na barriga.

MUITO AMOR ENVOLVIDO!


 Quando eu acho que a Aline não pode me surpreender, ela vem e tampa minha boca com mais um enredo fantástico. A premissa do livro é basicamente essa Yan lutando para recuperar seu amor. Parece uma premissa clichê, mas é ai que você se engana esse livro é totalmente diferente de todos os livros da série, me levou as lágrimas por diversas vezes com os assuntos abordados. Tem uma pegada totalmente diferente dos outros livros.


Yan  o meu Deus nórdico, gente vocês tem ideia o que é um homem sofrer de amor e mesmo sofrendo está disposto a tudo para ter sua amada de volta? Yan sempre foi o mais centrado de todos e ve-lo assim tão desestabilizado também me destabilizou de uma maneira que eu não invaginava. Eu peguei a dor dele para mim. Ele é aquele personagem que te encanta e esse encantamento é muito além de aparência física e sim pelas coisas que ele faz, suas palavras por diversas vezes são sabias demais e te coloca para refletir.  Por mais Yans no mundo.

Lua, o menina que me fez chorar!  Ela é FODA me desculpem o termo, mas nenhuma outra palavra seria o suficiente para descreve-la nesse livro. Temos aqui uma mulher totalmente obstinada, no inicio você acha que ela é egoísta, mas assim que você entende e aprofunda na história você se culpa por te-la julgado. Eu ainda estou sem palavras tanto para ela quanto para o Yan.

Os meus meninos também aparecem nesse livro e deu para matar a saudade, por um instante um dos integrantes da banda quase fez meu coração sair pela boca. Fiquei muito feliz por vê que cada dia mais os meninos estavam alcançando mais sucesso.  Esse livro  despertou mais ainda minha vontade em conhecer o irmão do Zane. O The M's já deixou de ser uma banda ha muito tempo hoje eles são uma  família.  Como diria a Lilou:  Ohana quer dizer família, família quer dizer nunca abandonar.  Essa frase remete muito a muita coisa do livro, pois aqui temos uma união fora do comum e  isso me emocionou muito.


 O livro é narrado em  primeira pessoa intercalando os pontos de vista de ambos, mas como a Aline não decepciona vocês irão encontrar narrações de outros personagens e  eu  amei essa jogada. A diagramação está linda a cada capitulo temos o vislumbre da mesma figura da capa. A editora Charme arrasa quando o assunto é capricho nas edições e escolhas das capas, né ?


Em suma é um livro maravilhoso que tem uma pitada certa de cada elemento que faz nos leitores se encantarem.