10 de dezembro de 2018

(Resenha #120) Aconteceu no Natal

Titulo: Aconteceu no Natal
Autora:  Barbara Sá
Editora: Amazon
Página: 50
Sinopse:Fazer um pedido, jogar uma moedinha na fonte e acreditar que ele vai se realizar é a maior balela para Melinda. A jovem não acredita em destino, mesmo que essa palavra venha ultimamente surgindo muito na sua vida. Vinda de seu irmão, de um senhor na rua e até de Augusto, seu paquera. E é com ele que Melinda viverá um romance mágico às vésperas do Natal, descobrindo que talvez isso tenha sido um empurrãozinho do destino.




 Oi oi, meus queridos leitores. Tudo bom com vocês?
Hoje vim trazer resenha desse conto que assim que a Barbara falou que ira lança-lo eu já fiquei mega ansiosa. Sou uma grande admiradora dela no mundo literário acho que ela inspira as pessoas com seu jeito alegre e contagiante. Vamos ver o que eu achei de Aconteceu no Natal?


Melinda é uma jovem que mora no Rio de Janeiro, juntamente com seu pai e seu irmão mais velha. Ela é uma garota totalmente extrovertida e que por mais que  se sinta bem com seu pai e seu irmão ela sente falta da sua mãe, que faleceu ao dar a luz a ela.  Um dia ela vai até o mercado próximo a sua casa para comprar algumas coisas que seu pai havia pedido e quando ela chega percebe que tem um funcionário novo. 

 Augusto acabou de voltar para o Rio de Janeiro, após morar boa parte da sua vida no Sul. Melinda como sempre muito educada cumprimenta Augusto e então descobre que ele morava lá há muitos anos, mas que não conhece nada da região já que ele saiu do Rio ainda bebê. Eis que Melinda o chama para tomar um sorvete. 


 Voltando para casa ela percebe que estão construindo alguma coisa próximo ao mercadinho, então como sua curiosidade fala mais alto ela chega mais perto para saber o que tem ali. Então um moço explica que era uma fonte da Deusa Vênus, a deusa do amor e que se você jogar uma moedinha lá ela realiza seu desejo na hora certa. Só que Melinda não acredita muito nessas coisas e muito menos em destino. 

 Os dias vão passando e Melinda e Augusto vão se conhecendo cada dia mais. Será mesmo que o Destino é capaz de mudar a vida das pessoas?


AMORZINHO DA VIDA!

  Sabe quando  você fica com um quentinho no coração? Foi bem assim que eu fiquei quando terminei o conto. Por ser o primeiro conto a Baraba está de parabéns, a escrita bate de frente com autoras que tem anos  de experiencia. Ela soube trazer a essência dos personagens para nós. 



Melinda, eu não sei por que eu vi muito da Barbara nela, acho que é por que ela é totalmente extrovertida e isso me lembrou muito a Barbara. Um amor de menina que me deu vontade de abraça-la quando terminou o livro.

Augusto  é um amorzinho também, tem uma essência maravilhosa. E que logo de cara já nos vemos encantados por ele com sua simpatia e carisma.

Os personagens secundários  também são uns amores, temos Ricardo como o tipico irmão mais  velho que está sempre disposto a tudo para proteger a irmã. O pai de Melinda também é um amor e faz o papel de pai com excelência. O pai do Augusto parece pouco, mas o pouco que aparece é de um carisma fora do comum.


O conto é todo narrado em primeira pessoa pelo ponto de vista da Melinda. O legal é que o livro não se passa nos tempos atuais e isso me ganhou de uma maneira que não sei explicar. É um conto curtinho e que tem tudo para se tornar um livro, eu fiquei curiosa para saber o futuro do Augusto e da Melinda. A escrita da Barbara me ganhou, é uma leitura fluida que quando você percebe já está no final e querendo mais e mais. 

Em suma é um conto  maravilhoso ainda mais para quem assim como eu é fascinado com a época natalina.