.

(Resenha 123) Egomaníaco

Titulo: Egomaníaco 
Autora: Vi Keeland
Editora: Charme
Página: 320
Sinopse:Na noite em que conheci Drew Jagger, ele tinha acabado de invadir meu novo escritório na Park Avenue.
Liguei para a polícia antes de atacá-lo com minhas novas habilidades de Krav Maga.
Ele me conteve com rapidez e depois riu, achando graça da minha tentativa de agressão.
Claro que meu invasor tinha que ser arrogante.
Mas, no fim, ele não era um invasor.
Drew era o proprietário legítimo do meu novo escritório. Ele estava de férias enquanto seu elegante espaço era reformado.
E foi assim que um golpista conseguiu me enganar alugando para mim o escritório que não estava realmente disponível para aluguel.
Perdi dez mil dólares.
No dia seguinte, depois de horas na delegacia, Drew ficou com pena e me fez uma oferta que não pude recusar: em troca de atender seus telefonemas enquanto sua secretária estivesse fora, ele me deixaria ficar até encontrar um lugar novo.
Provavelmente, eu deveria ter ficado agradecida e mantido a boca fechada quando ouvia o conselho que ele dava aos seus clientes. Mas não conseguia deixar de expressar minha opinião.
Nunca esperei que meu corpo reagisse toda vez que discutíamos. Principalmente quando parecia que era só isso que conseguíamos fazer.
Nós dois éramos totalmente diferentes. Drew era amargo, bravo, lindo pra caramba e destruidor de relacionamentos. E meu trabalho era ajudar as pessoas a salvar seus casamentos.
A única coisa que tínhamos em comum era o espaço que estávamos compartilhando.
E uma atração que estava sendo difícil de negar a cada dia que passava.

Oi oi, meus queridos Leitores.
Nada como começar um  ano com uma leitura 5 estrelas, né? Eu já estava namorando esse livro há um bom tempo e com essa capa chamativa ainda não tem como não resistir, né? Vamos saber o que eu achei de Egomaníaco?

Drew está chegando de duas semanas de descanso merecido no Havaí. O que ele mais queria nesse momento era descansar, mas antes de ir direto ao seu apartamento ele quer dar uma passada na obra do seu escritório que fica no térreo do seu prédio. O que ele não esperava era da de cara com uma mulher que alegava que o escritório era dela e que ela iria chamar a policia caso ele não saísse de lá.  Drew com o seu lado irônico mandou ela chamar. O que Emirie não imaginava era que tinha caído em um golpe e Drew realmente era o dono do escritório todo.


Emirie  fica totalmente sem reação ao perceber que tinha sido enganada. Só que ela não tem para onde levar suas coisas já que estava organizando tudo como se aquele espaço fosse realmente dela.  Drew acaba ficando com dó de Emirie faz um acordo: Ela atende suas ligações enquanto sua secretária está de licença  e pode utilizar uma das salas como seu consultório.

 Cada dia que passa a amizade deles vão florescendo. Drew não perde a oportunidade de sempre jogar uma piada para o lado de Emirie sobre seus pacientes e seus conselhos. A atração entre eles fica cada vez mais visível, mas Emirie pelo pouco que conhece sabe que Drew é um cafajeste de marca maior e que não tem um pingo de papas na língua quando o assunto é sexo. E Drew não vê a hora de beijar a ruiva que anda invadindo seus pensamentos.

O que sera que acontece quando juntamos uma psicologa especializada em terapia de casais divide um escritório com um advogado especializado em divorcio?

AMEI !


  Sempre que eu pego um livro da Vi eu vou com toda emoção por que eu sei que ela arrasa. Sabe o que mais me chamou atenção nesse livro?  Por mais que a capa seja bem ousada o livro ao meu vê não é um hot, temos um plano de fundo muito mais familiar e de descobrimento do que as próprias  cenas hot e  isso me ganhou muito mais.


 Drew nem preciso falar que ele virou meu cruhs, né? No inicio você acha que ele é só mais um personagem tipicamente lindo que só pensa em sexo, mas depois ele ganha uma grandeza dentro do enredo que me levou as lagrimas.  Vocês não tem ideia o quanto Drew é lindo por fora e por dentro. Ele te faz rir e te faz chorar. O que eu mais amo nele é o seu jeito desbocado, porém sincero de falar as coisas.

Emirie que amor de personagem, sério. Assim como Drew você vê ela crescendo no enredo, ela parece toda meiga e delicada, mas depois ser mostra um verdadeiro mulherão. Fora que é muito sábia, por diversas vezes meus quotes foram tirados de conselhos que ela dava aos seus pacientes. Um menina-mulher que conquista o leitor no passar das páginas.

Temos os personagens secundários como um detetive amigo de Drew que trás um ar especial para a trama e também temos a cobra da ex-mulher do Drew, sério o que essa mulher faz não se faz nem com cachorro. Por diversas vezes eu tive vontade de entrar dentro do livro e da uns bons tapas na cara dela e a colocar no lugar de onde ela nunca deveria ter saído.

A narrativa do livro é toda feita em primeira pessoa visando o ponto de vista de Emirie eDrew, por incrível que pareça eu amei a narrativa dos dois, como já havia falado em algumas resenhas estava meio saturada de narrativas femininas e fascinada pela narrativa masculina, mas Emire é uma personagem muito direta então isso me agradou bastante. A diagramação está perfeita. E essa capa? O que falar dessa capa que seduz todo mundo, estava fazendo a leitura desse livro na praia e não tinha uma pessoa que não passava e não olhava.

Em suma é um livro maravilhoso que te faz chorar, rir e querer abraçar os personagens. Um romance arrebatador.

11 comentários:

  1. Há algum tempo parei de ser "pré-conceituosa" e não julgar o livro pela capa, então mesmo que o livro focasse mais no hot eu daria uma chance para conhecer rsrs Adorei a dica! Estou lendo um romance mais ou menos parecido, então vou adicionar à minha lista :)

    ResponderExcluir
  2. Oii, tudo bem?

    Eu geralmente não costumo gostar desse tipo de capa, mas confesso que gostei bastante dessa. Logo de cara já adorei o Drew, o jeito debochado dele iria me fazer gostar bastante dele.
    Parece ser um história incrível, divertida e romântica. Mal posso esperar para começar a leitura.

    Obrigada pela dica!!
    Beijinhos!!

    ResponderExcluir
  3. Eu indicarei para quem gostar desse tipo de história, mas para uma leitura minha, eu passo. Gostei da forma que colocou suas ideias na resenha, vi que gostou da história e espero que mais pessoas fiquem curiosas em ler.

    ResponderExcluir
  4. Olá!
    Eu amo o Drew!
    Achei ele fofo, divertido e muito carinhoso.
    Vi Keeland tem uma escrita muito especial e cativante que vale a pena conhecer.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  5. Arrasou, começando o ano com uma leitura 5 estrelas e favoritada! É a primeira resenha que leio desse livro. Nunca li nada da Vi Keeland, e confesso que não tinha muito interesse, mas depois da sua resenha senti uma curiosidade em conferir... será que vou gostar? De qualquer forma, dica anotada! Adorei a resenha e as fotos.

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Olá, Bia!

    Confesso que eu não suporto capas e títulos como os deste livro. Não compraria para ter na minha estante, sinceramente. E gênero erótico também não é um gênero que aprecio, embora tenha lido sim livros maravilhosos e que se tornaram favoritos.

    Mesmo assim, apesar de não ter uma real intenção de ler essa história, fiquei contente por ela não se concentrar tanto no aspecto hot e abordar assuntos familiares e pessoais, talvez assim passando uma maior conexão entre os protagonistas. E claro que me deixa feliz que você tenha amado a história e que seja digna de cinco estrelas. É bom começar o ano com uma ótima leitura. :)

    Bjs!

    ResponderExcluir
  7. Oi, Bia!
    A capa desse livro na verdade serve como repelente pra mim. rsrs Por mais que o cara seja bonitão, geralmente essas capas remetem a um romance erótico mediano, o que não parece ser o caso, pelo menos.
    Bom saber que é uma história deliciosa de se ler, às vezes eu subestimo muito um bom livro com uma capa muito apelativa. Já li alguns livros da autora, são mesmo bem bacanas e este acaba de entrar para minha lista.
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
  8. Olá, Bia!
    Realmente, essa capa não me agrada em nada, e com certeza nem olharia para ela numa livraria, mas a sua resenha é bem legal, e que bom que começou o ano com uma leitura que adorou.
    Não é bem o tipo de literatura que gosto, mas valeu a dica!
    Abraço,

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  9. Olá, Bia!

    Eu só sei sentir pena da personagem, sério. A coitada foi enganada e ainda fez papel de ótaria, meu Deus! hahahahha
    Eu sou louca para ler esse livro, ele está na minha lista de leitura há um tempinho, espero que a história da Vi me agrade também!

    ResponderExcluir
  10. Olá Bia!!!
    Eu achei interessante essa coisa de juntar uma pessoa que tenta reconciliar casais e um outro que entende de divórcios rsrsrsrs
    Como isso funciona??
    Bem só a autora para trabalhar e contar isso, e fiquei muito curiosa de verdade acerca do enredo.
    A capa realmente dar impressão de um livro totalmente hot, eu mesma pensei que só iria pra essa questão a história.
    De todo modo adorei a resenha!!!

    lereliterario.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi, Bia!
    Amo demais essa autora, uma das minhas autoras preferidas. Já li o livro e me apaixonei pela história e pelos personagens. Já quero mais livros da autora!

    Beijos!

    ResponderExcluir



Ei meus amores! Sou a Bia Coelho!
22 primaveras, mineira,
mãe da Manu,
alucinada por livros.
Apreciadora de bons romances.
Esposa do Christian Grey!
Apaixonada pelo universo literário, leitora compulsiva, freelancer como Web design e projeto de escritora nas horas vagas.

Bem vindos ao
Entre Livros e Amores!

Colaboradoras

Luanna
Oioioi, eu sou a Luanna do Instagram @pausaparalivros, escorpiana raiz, e vou aparecer aqui com muitas resenhas de livros, além de dicas de filmes, séries... ou seja, tudo o que a gente ama. Não é mesmo? Espero que gostem do conteúdo que postarei e me sigam no Instagram para saber diariamente o que estou achando das leituras

Seguidores

Caixa de Busca

Facebook

Categorias

estou lendo

Anuncie

Anuncie

Instagram

Destaque

Resenha : Depois que Caímos

TITULO:   Depois que Caímos AUTORA:   Melanie Harlow EDITORA:   Allbook  PÁGINAS:  457 SINOPSE: JACK VALENTINI NÃO É O MEU TIPO. Caubóis s...

Arquivos

Posts Populares

link-me



Editoras parceiras

Tecnologia do Blogger.