7 de junho de 2019

Tudo sobre, Gatunas!


Oioioi pessoal,

Hoje vim falar aqui com vocês sobre um super lançamento da Editora Astral Cultural que é o livro GATUNAS.

A capa do livro foi revelada essa semana e está mais do que maravilhosa!!!



Trinkets (titulo original) foi lançado em março de 2013 e é da autoria da Kirten Smith, co-roterista dos filmes que marcaram minhas tardes com muita dose de humor e romance "Legalmente Loira" "10 coisas que eu odeio em você", "A verdade nua e crua",  "Ela é o Cara".
O sucesso foi tão grande que o livro vai virar série da Netflix!
Isso mesmo, se você estava procurando por uma leitura e/ou uma serie GATUNAS (título em português) tem tudo para ser uma escolha perfeita para ganhar o seu coração.


Filmes da Co-roterista, Kirten Smith, autora de GATUNAS.
O livro vai contar a história de três adolescentes - Tabitha, Moe e Elodie - que não tem nada em comum, a não ser o fato delas serem cleptomaníacas, isso mesmo que você leu, elas tem o costume de roubar coisas.
Conheça um pouco mais sobre duas das personagens principais:
 



Eu tive a oportunidade de ler o primeiro capítulo e posso afirmar para vocês que a escrita da autora é muito fluida e envolvente, assim que finalizei o capitulo fiquei ansiando para ler mais e poder saber aonde aquela trama daria - e pelo andar da carruagem, vai dar em muita confusão -. O livro é narrado sobre várias perspectivas, o que acaba nos aproximando de todos os personagens.


Gatunas será lançado no dia 18 de junho, e já está em pré-venda na Saraiva
link para compra: https://www.saraiva.com.br/gatunas-amizade-nao-tem-preco-o-resto-a-gente-pode-roubar-10563008.html

Sobre a série, ela será lançada aqui no dia 14 de junho, vou deixar o trailer aqui para vocês conferirem e conhecer um pouco mais sobre a trama.




Agora me fala, ficou curioso? Pretende ler o livro?

Quer saber mais sobre o livro Gatunas? Segue a @astral.cultural e @pausaparalivros
Para conhecer mais sobre o elenco e a série na Netflix, segue o @trinkets

Então é isso pessoal, estou mega animada com esse lançamento da Astral Cultural e assim que eu ler o livro, volto aqui para falar para vocês o que eu achei da leitura.

5 de junho de 2019

Resenha: The Chase


 Titulo:  The Chase
Autora: Elle Kennedy
Editora: Paralela
Páginas:442
Sinopse:Bem-vinda de volta aos jogos de hóquei e às festas da Universidade Briar! No primeiro spin-off da série Amores Improváveis, conheça a apaixonante e misteriosa Summer, irmã de Dean.
Todo mundo diz que os opostos se atraem. E deve ser verdade, porque não tem nada que explique minha atração por Colin Fitzgerald. Ele não faz meu tipo e, o pior de tudo, me acha superficial. Essa visão distorcida que ele tem de mim é o primeiro ponto contra. Também não ajuda que ele seja amigo do meu irmão.
E que o cara que mora com ele tenha uma queda por mim.E que eu tenha acabado de me mudar para a casa deles.
Mas isso não importa. Estou ocupada o bastante com uma faculdade nova, um professor que não larga do meu pé e um futuro incerto. Além do mais, Fitzy deixou bem claro que não quer nada comigo, embora tenhamos uma química de dar inveja a qualquer casal. Nunca fui de correr atrás de homem, e não vou começar agora. Então, se o meu roommate gato finalmente acordar e perceber o que está perdendo…Ele sabe onde me encontrar.

Oi oi, meus queridos leitores, tudo bem com vocês?  Eu espero que sim. Hoje vim trazer resenha de um livro que assim que saiu eu surtei, pois amo  a autora e estou falando da nova série da Elle Kennedy- "Briar U".  Que nada mais é do que o spin-off da série  Amores improváveis   que é um verdadeiro sucesso, nesse primeiro livro  The Chase, vamos conhecer a história da irmão do Dean e de seu amigo Colin. Vamos saber o que eu achei de The Chase?



 Summer é uma patricinha assumida e amante das roupas de grife e não faz questão de esconder isso de ninguém. Sempre teve uma vida boa, pois seus pais são advogados de grande renome e tudo eles dão  um jeito para ela, mas agora não será tão fácil, pois ela foi convidada a se retirar da faculdade, pois colocou fogo no alojamento. Todo mundo sabe que Summer é autentica e ama uma boa festa regada a bebida e diversão. Quando ela chega a Briar  toda empolgada, pois ia fazer parte de uma fraternidade onde sua família era lenda, mas para sua surpresa a líder da fraternidade não há aceitou, pois disse que ela poderia manchar a reputação da fraternidade. 

Mesmo ficando indignada ela respirou fundo e ligou para Dean, para vê se eu irmão poderia ajuda-la e eis que ele tem uma ideia muito louca dela ir morar com alguns dos seus amigos. Summer fica pensativa, pois ela tem uma queda enorme por Colin, mas ele não parece está muito interessado nela. 
Eles acabam todos indo passar ano novo com Dean e o resto da equipe e dos antigos jogadores da Briar e mesmo sentindo aquela atração enorme  por Colin  Summer tenta ser amiga dele e conversar. Ela da uma saidinha e quando volta escuta Colin falando para um dos amigos o quanto a achava superficial. 

Colin é lindo, mas não tem noção do quanto sua beleza é atraente aos olhos de outras pessoas. Ele faz mais o tipo nerd: cria jogos e ama livros, mas também é uma das estrelas do time de hóquei da Briar. E desde sempre tem um interesse fora do comum em Summer, mas ele sabe que isso nunca poderá dar certo, pois Dean é seu grande amigo e nunca o perdoaria se caso alguma coisa desse errado entre os dois.  Então quando está dando meia noite ele olha para trás e vê Summer  beijando seu amigo e isso o irrita mais do que ele possa imaginar. 

Os meninos  viajam então Summer tem que levar suas coisas para sua nova casa e está muito nervosa e eis que ela conhece Brenna a filha do  técnico dos meninos e ela a encoraja a ir lá e fingir que nada aconteceu, porém não é bem assim que as coisas funcionam, pois a chama de desejo que está dentro de Summer ainda está bem acesa.  E isso causa algumas situações entre eles. Colin tem uma paixão secreta por Summer e nem sonha que ela sente o mesmo e obviamente tem o lance da lealdade entre amigos já que o seu colega tinha a beijado primeiro.


 Summer  tem déficit de atenção e mesmo assim se esforça muito para conseguir tirar notas altas. Ela cursa moda e sabe que tem talento para isso já que reconhece uma marca de longe. Então um professor muito influente começa dar aulas para ela, mas Summer fica confusa, pois o que parece ser apenas uma mentoria está se tornando algo desagradável.  Colin resolve ajuda-la com o trabalho se ela o deixar desenha-la para o seu próximo game. Entre brigas e amores Colin e Summer vão em busca da felicidade e de algo a mais, mas será que a felicidade faz parte do destino dos dois?

 Amei!


 Ainda estou sem palavras para esse livro, bom ele não foi meu favorito, mas foi por uma coisa ou outra, mas mesmo assim amei o livro como um todo e o melhor de tudo pude matar a saudade dos meus meninos da Briar, gente sério me emocionei muito vendo como eles estão depois da Briar, da um quentinho no coração, sabe?

Summer: Meu deus do céu, como eu me identifiquei com essa personagem em todos os sentidos, pois ela é sem um pingo de papas na língua e o que ela ta pensando ela fala mesmo. De inicio achamos que ela é apenas uma personagem fútil que está ali só para mostrar o quanto de dinheiro cabe na sua bolsa chanel, mas ela é incrível. Como eu citei acima ela tem dificuldade de aprendizagem o que hoje em dia é comum, mas ela não se deixa abater ela quer sempre da o seu melhor e sempre ser o melhor para todos aqueles que estão perto dela. Ela é incrível de todas as maneiras que vocês possam imaginar. Vou fazer um post só de quotes, por que a cada vez que ela falava eu coloca um post-it.  Uma coisa que me chamou atenção nela que ela é irônica e isso mata a gente de rir.  Summer é muito mais do que ela deixa transparecer.

Colin é um personagem muito fácil de se identificar, ao contrario dos outros atletas ele não gosta de ser o centro das atenções e isso tem haver com a vida que ele levou quando era criança e tudo que ele passou com o divorcio dos pais. Ele tem algumas atitudes que realmente não dá para defender, mas que também tentamos entender o lado dele. Ele é totalmente leal aos seu amigos e aqueles que ama e isso é muito bonito de se ver. Ele luta até o fim para renegar o que sente, mas quando ele resolve aceitar a história ainda fica mais bonita. Achei bacana a Elle colocar um personagem que não é tão pegador e sim mais retraído, pois a maioria dos meninos de Amores improváveis ou eram pegadores ou galinhas de mão cheia. Colin tem um lugar no meu coração !


Os personagens secundários são uns amores, mas a que eu mais amei foi a Brenna filha do treinador e não sei por que tenho uma ligeira impressão que a tia Elle vai fazer um livro pra ela, pois ela ganha destaque nesse livro. Ela é autentica e ama hóquei e está em todos os jogos e a autora deixou um romance no ar. Tudo indica também que o amigo de Colin também terá um livro, pois a Summer partiu o coração dele. E o melhor de tudo é que temos nossos ex-jogadores da Briar como personagens secundários e podemos acompanhar nem que seja por poucas linhas um pouco de como está a voda de cada um.

O livro tem um lado sensual, mas não é aquela coisa escrota e sim algo realmente sexy e de inicio é mais a imaginação e comentários sarcásticos entre os personagens. As cenas hot são bem construídas e elaboradas e se você quiser simplesmente pular as cenas e continuar lendo o livro não terá nenhuma interferência na história.

 Elle trouxe temas importantes para esse livro como por exemplo o assédio sexual entre professor e aluno e achei muito bem desenvolvida essa questão e o  modo como ela abordou é a realidade de muitas pessoas, pois de inicio ninguém acredita até que tudo começa a fazer sentido. Temos também o Déficit de atenção que assim como o assédio foi muito bem explorado pela autora, víamos o quanto Summer sofria por não conseguir se concentrar.

A narração é toda feita em primeira pessoa pelo ponto de vista de ambos e eu amo esse tipo de narrativa. A diagramação é simples, mas bem bonita assim como a fonte. A capa do livro é maravilhosa e não sei se sou a única, mas acho que lembra um pouco as dos outros livros. A leitura foi super fluida terminei esse livro em menos de dois dias e mesmo assim por que não queria que o livro acabasse.  Estou  louca para poder ler os outros livros da série, por que é Elle Kennedy né meus amores?


Em suma é um livro maravilhoso  que vai fazer seu coração disparar em diversos momentos e fazer você matar a saudade dos meninos da Briar. E ai está preparada para voltar para os jogos de hóquei? 

3 de junho de 2019

Resenha: Nos Meus sonhos Te amei

 Titulo: No meu sonho te amei 
 Autora: Abbi Glines
 Editora:  Arqueiro
Páginas: 240
Sinopse:Com 500 mil livros vendidos no Brasil, Abbi Glines é autora do best-seller Paixão sem limites e de diversos livros da lista de mais vendidos do The New York Times, do USA Today e do The Wall Street Journal.
Na noite da formatura, Vale McKinley sofre um terrível acidente de carro. Junto com ela está Crawford, seu namorado, que acaba entrando em coma. Eles pretendiam aproveitar o verão fazendo planos para a universidade, com um futuro brilhante cheio de possibilidades. Agora, Vale passa longos dias no hospital, à espera de que Crawford acorde.
Lá, ela encontra por acaso com Slate Allen, colega de faculdade do seu irmão. O garoto aparece regularmente para visitar o tio, que está internado. Quando se esbarram, Vale não consegue negar a atração proibida entre eles. Ela tenta ignorar seus sentimentos, mas não é imune ao charme de Slate. Aos poucos, os dois se aproximam.
Depois de muito relutar em sair do lado de Crawford, Vale cede aos apelos da família e vai para universidade, pensando que o namorado gostaria que ela tocasse a vida. Só que agora a garota está no território de Slate e a história dos dois vai sofrer uma grande reviravolta.


Oi oi, meus queridos Leitores. Tudo bem com você?
Hoje vim trazer resenha de um livro que desde o lançamento não via a hora de fazer a leitura.Quando vi a oportunidade de solicitar esse livro não pensei duas vezes, pois amo a escrita da Abbi e sabia que seria uma leitura rápida. Vamos conhecer um pouco mais sobre  Em meus sonhos te amei?

 Vale é uma jovem cheia de vida que tem um namorado desde muito nova e tem planos com ele para a vida toda e um deles é a faculdade. Na noite de formatura eles estavam indo embora quando sofreram um acidente. Esse acidente mudou a vida de Vale, pois agora seu namorado está em coma e ela se vê todos os dias no hospital. Agora a sua vida é viver pelo Crawford . Ela quer esta no hospital quando ele acordar e acaba esquecendo que ela esta viva, que eles tinham planos. 


 Slate é um cara com uma fama não lá muito boa, é o pegar da faculdade e arrasa o coração das garotas. Ele está com seu tio internado e não se conforma em vê todos os dias  uma garota sozinha e acaba tentando conversar com ela e sem sucesso, por que ela é um tanto arrogante, pelo menos foi o que pareceu. Vale não estava sendo simpática com ele, mas fazia parte. Então em um dia  Knox seu irmão estava no hospital e ela descobre que ele é amigo do cara que ela estava conversando outro dia. 

A família de Vale quer uma posição dela sobre a faculdade, pois o verão está acabando e eles já tinham pagado o dormitório e todas as despesas da faculdade, mas ela se sentia culpada se fosse viver longe do namorado era como se ela tivesse vivendo um sonho dos dos sozinha. Um dia a mãe de Crawford foi bem sincera com Vale falando que o seu filho queria que ele fosse a faculdade e que fizesse as coisas, pois não queria que o filho já acordasse com sentimento de culpa por ela não ter seguido. Depois de muita reluta ela aceitou e sabia que na faculdade teria Slate que com o passar dos dias acabou virando seu amigo e seu irmão Knox para lhe ajudar.



Chegando na faculdade ela estava em um território diferente, mas que de certo modo lhe agradava. Dividia quarto com uma patricinha que parecia a própria Barbie e para apaixonar era mais uma do fã clube enorme que Slate tinha. Ela acaba fazendo amizade com Mae, uma garota muito bacana que já a acolhe de cara. O tempo foi passando e Vale conseguia distrair para não ficar pensando no seu namorado toda hora.  Com o passar dos dias ela foi se aproximando cada vez mais de Slate, mas eles eram só amigos, mas as pessoas achavam que não que ou tinha algo a mais ou ela era lésbica, Vale adorava tudo que estava acontecendo, ela estava trabalhando, estava tentando seguir a vida e acaba sentindo algo poer Slate.

 O que Vale nunca imaginou é que nunca se sentiria tão bem, pois ao lado de Crawford ela se sentia minima, pois ele sempre gostava de ser o centro das atenções, ela só fazia as coisas para agrada-lo e esquecia dela mesma. Slate estava sempre presente e eles acabam sentindo algo um pelo outro. As coisas estão indo bem: Vale tem um emprego, está se dando bem com Slate, fazendo amigos e de bem com a vida, quando tudo muda você se questiona: E se......


QUE LIVRO MEUS AMIGOS, QUE LIVRO....

 Gente, eu ainda não tenho palavras para falar desse livro, pois a Abbi fez uma reviravolta nessa história que estou impactada até agora, sério, essa mulher é um gênio. Eu peguei o livro para ler, pois já sabia que seria uma leitura rápida, pois a escrita da autora é maravilhosa e me surpreendi quando fui fisgada por um enredo que de inicio era clichê e depois vira algo viciante e fora do que esperávamos. O livro é dividido em duas partes e quando chegamos na segunda, você fica MEEEEEEEEEEEU DEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEUS. Juro eu não esperava de maneira nenhuma,mas deu uma virada na história que eu acho que ninguém esperava. Eu amei essa jogada, por que trouxe algo a mais e surpreendeu os leitores de uma maneira positiva. 



Vale é uma personagem que de inicio devido algumas atitudes não fui muito com a cara dela. Eu entendia tudo que ela tava passando, mas as vezes a achava egoísta com sua família, pois eles tentavam ver o lado dela, mas por diversas vezes ela não via os deles. Só comecei a gostar dela depois que ela foi pra faculdade. Quando o irmão dela conta que Slate é um pegador e que ela  pode ser uma conquista pra ele, Vale não perde a oportunidade de jogar  isso na cara dele de uma maneira tão grossa que eu achei totalmente sem necessidade e me fez pegar um ranço momentaneamente dela. Mas depois me vi encantada por uma Vale totalmente diferente que eu queria muito ter a oportunidade de ser sua amiga.

Slate foi um personagem que eu amei de cara, acho que é por que tenho um gosto errado para personagem literário, amo os badboys, canalhas e por ai vai.  Ele pode ser o galinha que for, mas é dono de um coração que poucas pessoas tem. Ele é um amor em todos os sentidos. Quem se envolve com ele sabe muito bem onde está se metendo então não pode julga-lo por isso. Quanto mais eu conhecia ele mais eu queria conhecer e achei isso incrível. 

 Crawford foi um personagem que no inicio eu me simpatizei com ele, mas depois eu não o suportava por que vi um lado dele que não conhecíamos. Ele se mostrou um verdadeiro babaca em diversas situações. Esperava muito mais dele ainda mais depois de tantos anos com a Vale. 

 Os personagens secundários  são uns amores, a Mae é uma personagem que me matou de rir com sua espontaneidade, temos o Knox que é o irmão da Vale que faz o tipico irmão mais velho e que é um amor,  tem a colega de quarto da Vale que é uma cobra em forma de Barbie. A ambientação do campus é maravilhosa, acho esse ambiente estudantil muito agradável.  As situações criadas juntamente com os peonagens secundários  são essenciais para o desenvolvimento da trama. 



A diagramação do livro é bem simples, mas linda. A capa me chama muita atenção. A narração em dado momento e em primeira pessoa visando o ponto de vista da Vale e na segunda parte é o ponto de vista dos dois. Como eu havia dito o livro da uma reviravolta que não conseguimos larga-lo e para mim foi um dos melhores livros da Abbi, quero mais história desses dois.

Em suma é um livro extremamente viciante e com uma leitura fluida e envolvente. Indico de olhos fechados para os apaixonados por romance