.

Resenha: Birthday Girl



 Titulo: Birthday Girl 
Autora: Penelope Douglas 
 Editora: The Gift Box
Páginas:407
 Sinopse:JordanEle me acolheu em sua casa quando eu não tinha outro lugar para ir.Ele não me usa, não me magoa ou se esquece de mim. Ele não me trata como se eu fosse nada, não me subestima ou faz com que me sinta insegura.Ele se lembra de mim, ri comigo e olha por mim. Ele me escuta, me protege e me enxerga. Posso sentir seus olhos sobre mim na mesa do café da manhã e meu coração bate com força quando ouço que ele está entrando na garagem depois do trabalho.Eu tenho que parar. Isso não pode acontecer.Uma vez minha irmã me disse que não existem homens bons, e que se você encontrar um por aí, ele provavelmente não estará disponível.Só que Pike Lawson não é a pessoa indisponível.Eu sou.
PikeEu a acolhi porque pensei que estaria ajudando.Ela cozinhava algumas refeições e limpava um pouco. Foi um arranjo simples.No entanto, à medida que os dias passam, isso está se tornando tudo, menos simples. Preciso impedir que minha mente flutue para ela e parar de prender a respiração toda vez que a encontro pela casa. Não posso tocá-la e não deveria desejar uma coisa destas.Quanto mais meu caminho cruza com o dela, mais ela está se tornando uma parte de mim.Mas não somos livres para ceder a isso. Ela tem dezenove anos e eu tenho trinta e oito.E sou o pai do namorado dela.Infelizmente, os dois acabaram de se mudar para minha casa.


Oi Oi, meus queridos Leitores. Tudo bem com vocês? Espero que sim! Estava com saudade de escrever nesse cantinho aqui para vocês e estou de volta e vou trazer muita coisas legais por aqui e também para o insta e o canal no youtube, mas sem mais delongas vamos falar de  Birthday Girl?


  Jordan, é uma jovem que tem uma grande responsabilidade na vida, pois saiu de casa cedo e seu namorado não faz tanta questão de ajuda-la. Eles moram em uma cidade pequena , e ela trabalha em um bar para conseguir ao menos juntar uma grana e conseguir se manter. Sua irmã trabalha como dançarina em um outro bar e ganha muito bem por isso e quer que Jordan faça o mesmo, mas ela se recusa por mais que o dinheiro seja algo que lhe atraia. No dia do seu aniversário  Jordan havia combinado com seu namorado que ele iria lhe buscar, porém ele mais uma vez fura com ela.



Jordan então decide ir ao cinema, e é no cinema que ela por acaso conhece Pike, um homem bastante interessante é bem mais velho que ela. Pike se surpreende ao vê que mesmo tão nova Jordan tem um gosto bem antiquado. Rola uma química inocente entre eles. Então através de uma ligação Jordan descobre que seu namorado foi preso e Pike descobre que seu filho foi preso, resumindo tudo o filho dele é o namorado de Jordan.

A vida de Jordan está literalmente de cabeça para baixo, pois devido ao feito do seu namorado eles haviam sido expulsos do apartamento e com isso eles foram morar com Pike. Jordan não se sentia muito confortável com a situação e Pike também não, pois ele havia sentido uma atração fora do comum pela sua nora, sem ao menos saber quem ela era.



Pike é um homem extremamente reservado e sempre quer o bem do seu filho, mesmo ele não merecendo. Tudo que ele se tornou hoje foi pelo filho, por mais que o mesmo não acredita, pois desde cedo foi extremamente manipulado pela mãe. Ao longo que os dias se passava, Pike percebia que seu filho mau parava em casa e via sempre a Jordan fazendo todas as obrigações da casa e as refeições mesmo ela tendo que pegar turno de madrugada.

Jordan estava extremamente insatisfeita com seu relacionamento, seu namorado não a ajudava em nada, muito pelo contrario o namoro deles era toxico e ela estava começado a cair a fixa disso agora. E com isso ela acabou fazendo uma amizade muito bonita com Pike, mesmo diante da relutância dele. Ela começou a fazer todas as obrigações que era do seu namorado meio que para pagar de certo modo por eles estarem ali.

A amizade vai dando lugar para uma atração um tanto explosiva e complicada e tudo só piora quando relacionamento de Jordan fica cada vez mais toxico.

EU AMEI!


Confesso que quando li  a sinopse achei que ia ficar com repulsa em alguns instantes, mas muito pelo contrario, conseguimos entender claramente a posição e decisão dos personagens e para mim a Jordan aguentou até demais. Foi meu primeiro contato com a escrita da Penelope, sempre tive vontade, porém tinha receio, pois ela gosta de tratar temas tabus e acaba nos tirando um pouco da nossa zona de conforto.

JORDAN, é uma menina-mulher maravilhosa e dona de uma coragem e determinação fora do comum. Até ela entender que seu relacionamento era extremamente toxico levou um tempo, e mesmo depois de descobrir ela ainda ficava na dúvida, e creio que isso realmente acontece com pessoas que passam por esse tipo de  situação. Eu amei a construção dessa personagem. Ela é extremamente responsável e quer muito ser alguém na vida, e isso me cativou. Algumas atitudes dela no inicio eu não sabia se concordava ou não, mas ao longo das páginas começamos  compreende-la de uma maneira mais completa.

 Pike é um homem que sempre fez de tudo pelo seu filho, mesmo ele não merecemos, mas coração de pai não se importa com isso. Ele é um homem bonito, mas não foi isso que me chamou atenção, ele tem u senso protetor grande, mas não é aquela pessoa que quer controlar a companheira e sim que ela esteja bem e segura. Vemos ele lutando fielmente contra o seu desejo, até mesmo quando ele percebe que e´correspondido. 

O filho de Pike é um verdadeiro babaca, pelo menos até 90% do livro, e mesmo assim tango Pike quando Jordan estão ali para ele. E até hoje não vi ninguém que não shippei  Pike e Jordan, por que eles não fizeram nada de errado. A diferença de idade aqui é tratada como uma insegurança visando o lado do Pike, pois Jordan tem idade para ser sua filha, mas uma maturidade para ser sua esposa. 

As cenas quentes desse livro são bem detalhadas, mas não de modo chulo, prefiro falar que é um livro sensual, pois a maioria das cenas são apenas pensamentos dos personagens, acho que isso deixou a história até mais interessante.

Temos vários assuntos abordados aqui de uma maneira bem reflexiva. Foi meu primeiro contato com a escrita da autora e com toda certeza irei ler muito mais. A narrativa é feita pelo ponto de vista de ambos e me agradou muito poder visar os dois lados da história.  Se você quer conhecer a escrita da autora recomendo esse, pois os outros são mais pesados e tratam assuntos até por vezes incômodos. 

Em suma, é um livro maravilhoso que te prende do inicio ao fim.

Um comentário:

  1. Boa noite tudo bem? Sou brasileiro e procuro novos seguidores para o meu blog. E seguirei o seu com prazer. Novos amigos também são bem vindos, não importa a distância.

    https://viagenspelobrasilerio.blogspot.com/?m=1

    ResponderExcluir



Ei meus amores! Sou a Bia Coelho!
23 primaveras, mineira,
mãe da Manu,
alucinada por livros.
Apreciadora de bons romances.
Esposa do Christian Grey!
Apaixonada pelo universo literário, leitora compulsiva, freelancer como Web design e projeto de escritora nas horas vagas.

Bem vindos ao
Entre Livros e Amores!

Colaboradoras

Luanna
Oioioi, eu sou a Luanna do Instagram @pausaparalivros, escorpiana raiz, e vou aparecer aqui com muitas resenhas de livros, além de dicas de filmes, séries... ou seja, tudo o que a gente ama. Não é mesmo? Espero que gostem do conteúdo que postarei e me sigam no Instagram para saber diariamente o que estou achando das leituras

Seguidores

Caixa de Busca

Facebook

Categorias

estou lendo

Anuncie

Anuncie

Instagram

Destaque

Resenha: Birthday Girl

  Titulo:  Birthday Girl  Autora:  Penelope Douglas   Editora:  The Gift Box Páginas: 407  Sinopse: Jordan Ele me acolheu em sua casa qua...

Arquivos

Posts Populares

link-me



Editoras parceiras

Tecnologia do Blogger.

Rhael